Contraf-CUT relembra lutas de 2017 em retrospectiva

22 de dezembro de 2017

Em um pequeno balanço, o presidente da Contraf-CUT, Roberto von der Osten, nos lembra que 2017 foi um ano de muita luta. Em meio a fortes ataques, a classe trabalhadora ficou com espinhos entalados na garganta, mas também venceu algumas batalhas.

A luta continuará em 2018, um ano decisivo, no qual a classe trabalhadora terá que se manter unida para fazer valer sua vontade e mudar a correlação de forças na sociedade, com a certeza de que só a luta nos garante.

FONTE: Contraf-CUT

Localização

Rua João Antônio da Silveira, 885, Centro, Novo Hamburgo

Revista 2ª Via

Edição nº 294
Agosto/2017
  • Conferência: em meio aos ataques aos trabalhadores, bancários definem pauta da Campanha Nacional 2017 (páginas 06 e 07)
  • Editorial: a CLT já foi… E a aposentadoria? (página 02)
  • Bradesco: adesão ao PDVE tem que ser voluntária (página 03)
  • Reforma trabalhista: quadro compara legislação e destaca perdas para os trabalhadores (páginas 08, 09, 10 e 11)
Ver essa edição Ver edições antigas

Parceiros:

Direitos reservados - Sindicato dos Bancários e Financiários de Novo Hamburgo e Região